OAB/SE discorda do STF e é contra prisão em 2ª instância

 A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional de Sergipe, vem a público externar a sua irresignação com a decisão do Supremo Tribunal Federal, que, por apertada maioria (6×5), negou a concessão de medida cautelar postulada pelo Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, nos autos Ação Declaratória de Constitucionalidade (ADC) n 44, que buscava suspender a execução provisória  da pena privativa de liberdade determinada em acórdão prolatado por tribunais de segunda instância, por meio do reconhecimento da constitucionalidade do art. 283 do Código de Processo Penal frente ao disposto no art. 5, LVII, da CF/88.
 A OAB/SE vê com preocupação o frequente e desproporcional ativismo judicial que tem resultado na flexibilização dos direitos e garantias fundamentais dos cidadãos brasileiros, movido pelas circunstâncias políticas e sociais vividas pela nação brasileira.
 A crescente criminalidade e a corrupção que assolam o país são mazelas endêmicas que precisam ser combatidas com rigor necessário, mas nos limites estabelecidos pela ordem jurídica do estado democrático.
 A decisão do Supremo Tribunal Federal em relativizar o princípio constitucional da presunção de inocência, proferida, coincidentemente, no dia do aniversário de 28 anos da Constituição Federal, além de representar forte simbolismo histórico, configurou ilegítima ruptura com os fundamentos e os objetivos característicos do estado democrático de direito concebidos pelo Poder Constituinte originário.
 Diante dessa inflexão do STF, a partir de agora os cidadãos condenados criminalmente podem ser privados da liberdade, mediante decisão anulável ou sujeita a reforma exarada por tribunais de justiça dos estados federados ou por tribunais regionais. Isto é, os cidadãos ficarão presos no superlotado e canhestro sistema penitenciário, mesmo diante da possibilidade de absolvição posterior, em virtude da inocência reconhecida pelo próprio Poder Judiciário, à luz das razões jurídicas e das provas existentes.

Henri Clay Andrade
Presidente da OAB/SE

COMENTÁRIOS

Nome

Amadense,23,arrastão,1,Bolsa Família,9,Cisternas na Escola,1,cultura,17,danos morais,1,Descaso,6,destaques,2605,educação,47,entretenimento,803,esportes,518,eventos,4,Itabaianinha,37,Itabaianinha FM,152,Itapicuru,91,Mostra literária,3,mundo,222,notícias,1818,Pedro Meneses,9,PIS/Pasep,1,Poço Verde,55,polícia,797,política,315,Riachão do Dantas,9,Rio Real,13,Simão Dias,2,tecnologia,8,Tobias Barreto,696,turismo,1,vaquejada,1,vídeos,19,
ltr
item
Portal Tobiense : OAB/SE discorda do STF e é contra prisão em 2ª instância
OAB/SE discorda do STF e é contra prisão em 2ª instância
https://4.bp.blogspot.com/-4Sq1cYxbg_s/V_raeD89BsI/AAAAAAAA0lY/FMgvsdk9nnwTFMPz9PQKiV8yB-ZfSnijgCLcB/s320/oab.jpg
https://4.bp.blogspot.com/-4Sq1cYxbg_s/V_raeD89BsI/AAAAAAAA0lY/FMgvsdk9nnwTFMPz9PQKiV8yB-ZfSnijgCLcB/s72-c/oab.jpg
Portal Tobiense
http://www.portaltobiense.com.br/2016/10/oabse-discorda-do-stf-e-e-contra-prisao.html
http://www.portaltobiense.com.br/
http://www.portaltobiense.com.br/
http://www.portaltobiense.com.br/2016/10/oabse-discorda-do-stf-e-e-contra-prisao.html
true
1696021387069615240
UTF-8
Carregar todas as matérias Não foram encontradas matérias Ver todas Leia mais Resposta Cancelar resposta Apagar Por Início Páginas Matérias Ver todas Veja também Tópicos Arquivo Buscar Todas as matérias Não foram encontrados resultados para sua pesquisa Início Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir Este conteúdo é PREMIUM Compartilhe para desbloquear Copiar tudo Selecionar tudo Todos os códigos foram copiados para a área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor pressione [CTRL] + [C] (ou CMD + C com Mac) para copiar