Com bandeira do Sergipe, corpo do radialista José Eugênio é sepultado em Aracaju

 Parentes, amigos e colegas deram o último adeus ao cronista esportivo José Eugênio de Jesus. O corpo dele foi sepultado na manhã deste sábado no cemitério Colina da Saudade, em Aracaju. "Zé Eugênio", como era mais conhecido, faleceu aos 98 anos nesta sexta-feira, após tratar de complicações renais em um hospital da capital sergipana.
 A Associação dos Cronistas Desportivos de Sergipe (ACDS) decretou luto de três dias, assim como a Federação Sergipana de Futebol (FSF) e o Sindicato dos Jornalistas, o Sindijor.  
 José Eugênio de Jesus tinha 98 anos (completados em outubro do ano passado) e estava internado há um mês no hospital Primavera, deu entrada com problema renal, o estado se agravou com uma pneumonia. 
José Eugênio
 Dono de uma memória privilegiada, ele era considerado a enciclopédia do esporte sergipano. Na década de 40, ele participou da criação da primeira equipe esportiva de rádio no estado, na antiga Difusora, hoje Rádio Aperipê AM.
- O que eu posso falar sobre Zé Eugênio? O nome mais importante do rádio sergipano e um dos mais importantes do país. Tive a honra de trabalhar com ele na Rádio Aperipê, ele tinha 92 anos na época e sempre se mostrou um cara muito lúcido, enciclopédia do futebol sergipano, lembrava de muita coisa, com riqueza de detalhes. Tinha opiniões contundentes e era muito sério. Com certeza tudo que ele fez no nosso rádio jamais será esquecido - afirmou Thiago Barbosa, coordenador de esportes da TV Sergipe.
 "Zé" Eugênio foi gráfico no jornal Diário da Manhã, depois passou pelo Sergipe Jornal, pelo jornal "A Cruzada", foi colaborador da Gazeta de Sergipe, além de ter criado e atuado como diretor da Gazeta dos Esportes. Vale lembrar que ele foi presidente da Associação dos Cronistas de Sergipe (ACDS) e presidente de honra da Associação Sergipana de Imprensa (ASI). Como se não bastasse, José Eugênio de Jesus fundou o Sindicato dos Gráficos de Sergipe, o Sindicato dos Jornalistas de Aracaju e o Sindicato dos Radialistas de Sergipe.
Veja a nota de pesar do Sergipe
 "O Club Sportivo Sergipe vem a público lamentar o falecimento de José Eugênio de Jesus aos 98 anos. O jornalista e radialista estava internado há um mês em um hospital da capital sergipana para tratar de um problema renal e uma pneumonia. José Eugênio fez parte da primeira equipe de rádio esportivo de Sergipe e foi presidente da Associação Sergipana de Imprensa. O Club Sportivo Sergipe solidariza-se com os familiares deste grande profissional que nos deixou nesta sexta-feira."

G1/SE

Nenhum comentário

Portal Tobiense

Beauty