Fazendeiro deixa gado morrer de fome e sede em Poço Verde

 As imagens são perturbadoras! O vídeo que circula nas redes sociais há dias é estarrecedor. Quem imaginaria alguém deixar o próprio gado padecer à míngua ainda mais numa estiagem como tem vivido o poço-verdense nos últimos 6 anos desconhece a atitude de um rico proprietário de terra na região da Ladeira do Tanquinho, município de Poço Verde.
 Um internauta enviou o flagrante denunciando o fato. No vídeo, dezenas de animais morrendo de fome e sede. Várias reses já morreram. Quem passa no local sente o cheiro do abandono total. Segundo informações preliminares, o dono não estaria em gozo das faculdades mentais. Depressivo, teria deixado de alimentar e dar água ao gado.
 Vizinhos tentaram ajudar levando água ou pedindo para transferir o gado para a roça vizinha, porém encontraram um dono reticente para atender o pedido.
 Mais de trinta reses já teriam morrido em toda a extensão da fazenda. Outra parte se encontra dentro do curral urrando por comida e água todos os dias.
 Quem mora na cidade discorda de que ele estaria depressivo. Dono de um carro de luxo, o proprietário é visto regularmente circulando pela centro sem demonstrar temperamento depressivo.
 O problema é que se algo não for feito de imediato, dezenas de animais podem morrer sem ajuda alguma. Precisamos tomar partido porque a situação está insustentável. Quem passa e relata não consegue externar  as informação sem ao menos emocionar com o que viu naquela localidade.
video
Cnnpv 

Nenhum comentário

Portal Tobiense

Beauty