“Lei da Mordaça”: Jackson Barreto processa o Radialista Calos Ferreira

 O jornalista e radialista Carlos Ferreira, da Rede Ilha, participou nesta terça-feira (21), de uma audiência de conciliação no Fórum localizado no Distrito Industrial, sobre um processo movido pelo governador do estado Jackson Barreto, após críticas que foram feitas pelo radialista.
Jackson moveu um processo criminar contra o jornalista e na audiência de ontem, não houve conciliação e uma nova audiência foi marcada para acontecer no próximo dia 23.
Para o jornalista Carlos Ferreira, "Jackson quer calar a imprensa que faz críticas construtivas e isso ele não vai conseguir".
 O jornalista  usou se carro próprio para ir à audiência o que não aconteceu com o governador, segundo Ferreira que em nota divulgada nas redes sociais, Jackson Barreto usou todo o aparato do governo e o que teria chamado a atenção do jornalista, foi o fato de o veículo que levou o governador para a audiência, teria se mantido funcionando até o fim da audiência. "O governador chegou no carro oficial do Governo do Estado e toda comitiva que costuma lhe acompanhar em atos oficiais, apesar do processo ser movido pelo cidadão Jackson Barreto de Lima. É isso", escreveu o jornalista.
Veja o que diz o jornalista Carlos Ferreira sobre a audiência:
 "Tratar um governador que no auge da crise viaja para o Caribe de férias? Como se dirigir a um governador que tornou Sergipe o Estado mais violento do país? Se tiver que pagar danos morais por isso, pagarei, mas com a consciência de que o que fiz foi para defender o povo de Sergipe, vitima do maior estelionato eleitoral da história politica deste Estado.  O governador chegou para audiência no carro oficial do Governo do Estado e toda comitiva que costuma lhe acompanhar em atos oficiais, apesar do processo ser movido pelo cidadão Jackson Barreto de Lima. É isso".

Munir Darrage

Nenhum comentário

Portal Tobiense

Beauty