Em Sergipe pacientes renais tiram do próprio bolso para transplante

 Os pacientes renais crônicos sonham todos os dias com um transplante de rim para poder se livrar das máquinas de hemodiálise e das consequentes dores. No entanto, quando a oportunidade aparece, nem sempre as condições permitem que o procedimento médico. Com os hospitais sergipanos sem realizar transplante de rim desde o 2012, os pacientes têm como alternativa buscar a cirurgia em outros estados, mas a única política de suporte a estes pacientes – o Tratamento Fora de Domicílio (TFD), do Governo Federal – só oferece as passagens e uma diária de R$ 24,75 para estadia fora do estado.

 A Associação de Renais Crônicos e Transplantados de Sergipe (Arcrese) demonstra preocupação com essa desassistência aos pacientes, que gastam do próprio bolso. A Secretaria de Estado da Saúde afirmou que está realizando um estudo para pedir o reajuste do valor, e tenta, em outra vertente, retomar os serviços de transplante de rim no estado.

Nenhum comentário

Portal Tobiense

Beauty