Belivaldo nomeia Eduardo d’Ávila como procurador-geral do MPE

0
26

Eduardo d’Ávila Fontes será PGJ no biênio 2018/2020

 

Promotor mais votado da lista dúplice critica escolha do governador do Estado

O Ministério Público de Sergipe (MP/SE) confirmou neste sábado (3) a nomeação do procurador de Justiça, Eduardo Barreto d’Ávila Fontes, escolhido pelo governador Belivaldo Chagas para chefiar o MP pelos próximos dois anos.

O procurador foi o segundo mais votado pelos membros do MPE no pleito realizado no mês passado. Eduardo Barreto d’Ávila Fontes teve 58 votos e deve conceder uma entrevista coletiva na segunda-feira (5), quando sua nomeação deve ser publicada no Diário Oficial do Estado (DOE).

A nomeação do procurador quebra a tradição de que o governador nomeei aquele que tiver o maior número de votos. Na eleição deste ano, o promotor Manoel Cabral Machado Neto, obteve 104 votos. Em nota, ele lamentou a escolha de Belivaldo e disse estar profundamente decepcionado com o que chamou de “desrespeito à vontade esmagadora dos membros (do MPE)”.

“A busca de apoios externos para que não prevalecesse a tradição histórica de escolha do mais votado também foi mais uma triste página da história do nosso Ministério Público. Continuarei agindo de forma transparente e democrática, com respeito à vontade da classe”, disse Machado Neto.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.