Com intermediação do MP, prefeito de Tobias Barreto monta estrutura para ajudar pessoas na fila da Caixa

0
303
TOBIAS BARRETO, SE (POLÍTICA A JATO) – O prefeito Diógenes Almeida, com a intermediação do Ministério Público, através da promotoria de justiça local, montou uma estrutura para dar suporte a Caixa Econômica Federal e ajudar centenas de pessoas que buscam o auxílio emergencial.

 

O promotor de justiça, Dr. Paulo José, explica que a ideia é amenizar o sofrimento das pessoas que ficam horas na fila à espera do atendimento sem ter água e até mesmo o banheiro químico para satisfazer as necessidades pessoais.

Toldos foram instalados e o município se comprometeu além de disponibilizar banheiros químicos, oferecer água aos clientes da Caixa Econômica na enorme fila que é registrada todos os dias na cidade.

O Município de Tobias Barreto se comprometeu também a interditar ruas e avenidas que dão acesso à agência bancária da Caixa Econômica Federal para facilitar o controle da fila de espera dos usuários, bem como a disponibilizar um local apropriado e profissionais da saúde para auxiliar a Caixa na
marcação de filas.

Além disso, o MP recomendou ao gerente da agência da CAIXA deTobias Barreto que adote medida exitosa de outros municípios, descentralizando, através da criação de uma Central de Atendimento específica, o atendimento das questões relacionadas ao auxílio emergencial do Governo Federal em local amplo, a fim de que seja respeitada a distância mínima entre os usuários do serviço em 2m, evitando sempre aglomeração de pessoas.

O exemplo de de Tobias Barreto está sendo seguido por outras promotorias de justiça de outros municípios, afim de ajudar no combate ao novo Coronavírus.

 

Por  Welder Ban

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.