Exclusivo! Roger “Vivi um ano mágico. Levo o Botafogo no Coração”

0
6

O domingo vai ser especial para o atacante Roger. O jogador vai enfrentar pela primeira vez o ex-clube no estádio Nilton Santos. Gols importantes, camisa 9, Libertadores, tumor no rim, filha símbolo de superação com deficiência visual e divergência com a diretoria na saída do clube para o Internacional. Fatores que marcaram a trajetória do atleta em General Severiano em 2017. Em entrevista exclusiva à reportagem da SUPER RÁDIO TUPI, Roger comentou sobre o reencontro com o Botafogo.

– O Botafogo é muito especial na minha vida. Vivi um ano mágico. Fico muito feliz em poder voltar ao Nilton Santos. Claro que eu gostaria que as duas equipes estivessem em melhores posições, mas nesse momento uma vitória para um ou outro lado vai gerar um pouco mais de tranquilidade na classificação. No nosso caso, pode encaminhar o que vai acontecer no fim do ano. Especial voltar e rever amigos. Sempre um carinho e respeito muito grande pelo clube – Contou o jogador.

Decisão contra o Botafogo

Botafogo e Corinthians estão próximos na classificação. A situação do time paulista é um pouco mais favorável na 11ª posição com 39 pontos. Já o Botafogo é o 15º na tabela com 35 pontos. Roger afirmou que a exemplo do Glorioso, o Corinthians também trata a partida como uma decisão.

– Será uma decisão! Não tem mais espaço para erros. Precisamos pontuar e uma vitória nos coloca em uma posição de brigar nas últimas rodadas até por uma vaga na Pré-Libertadores, já que depois se não me engano temos jogos em casa que são confrontos diretos. É uma final para a gente. Se vier o empate também não será um mau resultado – Falou o jogador.

Além do atacante, o técnico Jair Ventura conhece muito bem o elenco Alvinegro. Jair comandou o Botafogo, que alcançou às quartas-de-final da Taça Libertadores. Roger falou do trabalho desenvolvido pelo treinador no Corinthians.

– O Jair (Ventura) conhece mais o Botafogo do que eu (risos). Foi ele que montou grande parte do grupo. Algumas contratações foi ele que discutiu e com certeza sabe todos os atalhos e caminhos. Nossa semana de trabalho está sendo muito boa. Desde que ele assumiu está implementando sua característica. A equipe tem melhorado e a tendência é que a gente evolua ainda mais no domingo. Atualmente, todo mundo conhece a dinâmica dos lances e as informações são muito grandes. Com certeza temos um pouquinho mais de conhecimento deles.

Reencontro com a torcida

Para a partida do próximo domingo (04), a diretoria Alvinegra fez uma promoção no preço dos ingressos. O mais barato custa R$ 2,50 no setor Norte. A expectativa de público é de 30 mil torcedores. A venda antecipada até quinta-feira foi de 5 mil. A comercialização nos postos físicos começa nesta sexta-feira. Experiente, Roger sabe que o torcedor sempre pega no pé de um ex-jogador que tenha vestido a camisa do clube.

– Quando eu estava no Botafogo a torcida fazia a diferença quando lotava o estádio e empurrava o time. Nós conseguimos grandes resultados. Essa situação é tranquila. Quando a gente sai, a volta nunca é prazerosa.

Confira os outros temas da entrevista

Amizades no Botafogo

– Tenho muitos amigos. O carli é meu amigo, Gilson é meu amigo… Amigos de frequentar a casa e estar juntos. Sem dizer outros jogadores como Lindoso, Marcelo (zagueiro), Gatito… O Kieza é meu amigo de outros clubes. Claro que domingo vou defender a minha camisa e preciso ganhar, mas torço muito para que o Botafogo se organize e consiga pontos para não ser rebaixado.

Volta de Gatito Fernandez

– Faz um tempo que o Gato não joga. A gente tem que tentar tirar proveito. Hoje o ritmo do futebol é alucinante e o jogador precisa de uma sequência de jogos. Ele é um grande goleiro e provou isso ano passado, quando fez coisas que impressionou muita gente, principalmente nos pênaltis. Não nos assusta porque também treinamos todos os dias com um goleiro de Seleção Brasileira. A “goleirada” está em um nível muito bom. Desejo sorte a ele, mas a partir de segunda-feira (risos).

Saúde e filha Giulia

Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo

– Estou feliz e graças a Deus curado, trabalhando e buscando a melhor forma ainda junto com o nosso elenco. A Giulia está muito bem e somos sempre gratos por tudo que vivemos no Botafogo. Levo o clube no coração como algo que marcou as nossas vidas.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.