MPF mobiliza-se para que enemdianos possam recorrer das notas da prova

0
10

O ano novo que já começa a nascer traz consigo muitos expectativas. Os candidatos que prestaram a prova no Exame Nacional do Ensino Médio, o ENEM 2018, estão ansiosos pela chegada do dia 18 de janeiro de 2019. é esta a data precista para a divulgação dos resultados das avaliações, segundo consta no calendário do MEC. Na sequência, no dia 22 de janeiro abrira-se-ão as inscrições do SISU, porta de ingresso para numerosas instituições de ensino superior de todo o país.

O que ocorre é que o MPF está mobilizado para que o INEP, entidade responsável pelo ENEM, estipule prazo para a contestação de notas pelos estudantes. O Ministério Público afirma que por não assegurar o recurso para recorrer das notas, o edital da prova nacional fere direitos constitucionais. Assim, MPF quer que a autarquia estipule o prazo de 5 dias uteis para a vista do cartão-resposta e 5 dias para a vista da redação, estipulando o prazo de 10 dias para os recursos.

Em nota, o INEP afirma que os enemdianos podem ter acesso aos cartões-respostas para fins pedagógicos, após a divulgação dos resultados.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.