URGENTE: Matadouro de Tobias Barreto será privatizado

0
182

Assim como ocorrido em Lagarto, o Matadouro Municipal de Tobias Barreto também será privatizado. É que representantes do Município assinaram um termo se comprometendo a criar edital de licitação para que a atividade seja explorada pela iniciativa privada.

 

O comprometimento se deu em uma reunião a portas fechadas com representantes do Ministério Público Federal (MPF), do Ministério Público do Estado (MPE), da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) e da Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (Emdagro).

Contudo, segundo informações da jornalista Cássia Santana, para que o matadouro tobiense seja privatizado, a Prefeitura Municipal deve apresentar toda a estrutura com os equipamentos indispensáveis, exigidos pela legislação federal.

Tais equipamentos incluem, por exemplo: câmaras frigoríficas, de forma que o empreendimento esteja apto a receber os respectivos selos de inspeção que autorize a comercialização da carne, seja no âmbito do município, do Estado ou até mesmo para a exportação.

Além disso, diante de tantos matadouros interditados no estado, segundo representantes do MPF e MPE, para serem reabertos eles deverão ganhar uma roupagem de frigorífico, para que possam atender as demandas de forma regionalizada e respeitando as normas sanitárias.

Vale lembrar que o matadouro de Tobias Barreto está interditado desde o dia 06 de novembro de 2018, quando passou por uma fiscalização, em uma ação coordenada pelo Ministério Público Federal em Sergipe (MPF/SE) e o Ministério Público do Estado de Sergipe (MPSE). De acordo com o MPF, a manutenção e operação do matadouro eram precárias.

Fonte: Lagartense.com

 

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.