Vasco empata com o Paraná pelo Campeonato Brasileiro

0
18

Maxi López marcou o gol do cruz-maltino

Por: Jéssica Duarte

Foto: Divulgação Vasco

NÃO DEU! O Vasco foi até Curitiba para enfrentar o Paraná nesta segunda-feira (01). Apesar da grande expectativa dos torcedores vascaínos, o time não correspondeu em campo e ficou só no empate por 1 a 1 pelo Campeonato Brasileiro. O gol do Cruz-Maltino foi marcado por Maxi López, e Alex Santana descontou para o time da casa. O clube carioca ainda teve um jogador expulso na segunda etapa, o zagueiro Leandro Castan. Com esse resultado, o Vasco saiu da zona de rebaixamento.

O Vasco começou melhor no primeiro tempo. Trocando muitos passes, pressionando bastante e sem pressa, o Cruz-Maltino chegou a ameaçar a meta do goleiro Richard logo nos minutos iniciais. Yago Pikachu passou pela bola, deixou para Rafael Galhardo. O lateral cruzou muito mal, mas a bola ficou com Castan. O zagueiro cruzou na área e Ríos chutou forte, mas a zaga afastou. Aos oito minutos, o Paraná abriu o placar na Vila. Alex Santana arriscou de muito longe, sem chances para Martín Silva. A bola desviou em Leandro Castan, matando a chance de defesa do goleiro. O clube carioca respondeu. Maxi López ganhou dentro da área e cruzou para Andrés Ríos. O atacante chutou bem, mas a bola desviou em Leandro Vilela e foi para fora. O Paraná chegou bem em duas oportunidades, com Ortigoza, mas Martín Silva levou a melhor.

Nos minutos finais, o Vasco voltou a comandar as ações do jogo. Na frente no placar, o Paraná ficou todo recuado, dando espaços para o Cruz-Maltino chegar com perigo. Aos 32 minutos, Maxi López fez um lindo pivô e deixou Giovanni Augusto na cara do gol. O meia chutou no meio, forte, mas Richard defendeu. Na sequência, Maxi López de novo fez um belo pivô, mas dessa vez finalizou. A bola desviou na zaga e foi para fora. Aos 48 minutos, no último lance do jogo, o lateral-esquerdo Ramon sofreu pênalti para o Vasco. Maxi López chamou a responsabilidade e pegou na bola. Com muita categoria, deslocando o goleiro Richard, o atacante empatou a partida no último lance da primeira etapa e fez a torcida vascaína vibrar bastante em Curitiba.

No segundo tempo o Vasco tentou se impor e buscar a vitórias nos primeiros minutos. Maxi López recebeu lançamento em profundidade, mas estava em posição irregular. O Paraná respondeu com Leandro Vilela, após um ótimo passe de Silvinho. Ele invadiu a área e bateu pelo lado, a bola passou rente à trave de Martín Silva. Aos 11 minutos, o zagueiro Leandro Castan, do Cruz-Maltino, foi expulso da partida após uma falta em Ortigoza. Ele era o último homem do clube carioca antes do goleiro. Com um jogador a mais em campo, o Paraná começou a dominar as ações do jogo. Alex Santana arriscou de muito longe. A bola desviou em Luiz Gustavo e passou perto da meta vascaína.

O Vasco voltou a pressionar o adversário e chegou a assustar o goleiro Richard em algumas oportunidades. Maxi López recebeu um bom passe na área e driblou o goleiro, mas perdeu o ângulo. Kelvin também tentou e fez uma bela jogada, mas na hora de cruzar não teve sucesso. Aos 31 minutos, Maxi López puxou um ótimo contra-ataque e tocou para Kelvin. O atacante deu um bom passe para Giovanni Augusto, que arriscou da entrada da área. Richard só olhou, mas a bola passou rente ao travessão. No lance seguinte, Maxi López recebeu um bom lançamento, dominou com muita categoria e finalizou de longe, mas a bola foi para fora. O Paraná chegou com perigo com Alex Santana, arriscando de muito longe, mas Martín Silva defendeu. Na sequência, Caio cruzou muito bem e Charles cabeceou com perigo, mas Martín Silva fez uma grande defesa. Nos minutos finais, o Cruz-Maltino chegou com muito perigo. Henríquez ficou com a sobra após cobrança e finalizou, o zagueiro tirou. Pikachu, na sequência, tocou para o meio, mas Giovanni Augusto não alcançou.

Quem narrou esta partida foi Jota Santiago. Confira: 

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.